(45) 3277 2722 // 3252 5991
Avenida Egydio Geronymo Munaretto, 3601
Jd. Panorama - CEP 85910-320 - Toledo - PR

A hipocalcemia é a deficiência de cálcio. A doença também é conhecida como “febre do leite”. As causas geralmente são o baixo consumo desse mineral ou a incapacidade do animal em manter os níveis de cálcio no organismo.

Nas vacas leiteiras a hipocalcemia ocorre quando há um aumento súbito da necessidade de cálcio, na glândula mamária, no período pré-parto, para a produção de colostro e de leite. Pode ocorrer em até 72 horas após o parto ou ao longo da lactação.

Para saber se o animal está com a doença é preciso observar alguns sinais. A vaca com hipocalcemia apresenta tremor muscular da cabeça e dos membros, evita andar e não se alimenta. Pode ocorrer paralisia da cabeça e rigidez das patas traseiras. O animal fica deitado por longo período e se a doença não for tratada ele pode morrer.

O produtor deve buscar ajuda de um veterinário logo que constatar a enfermidade. O tratamento é feito com medicamentos específicos que dão resultado em pouco tempo. Na maioria dos casos, o animal se recupera.

Se não for tratado os prejuízos podem ser grandes. O desempenho do animal é afetado e a produção de leite pode reduzir consideravelmente. Uma alimentação correta aliada ao uso de mineral adequado e boas práticas de manejo podem evitar a febre do leite.