(45) 3277 2722 // 3252 5991
Avenida Egydio Geronymo Munaretto, 3601
Jd. Panorama - CEP 85910-320 - Toledo - PR
Elas são minúsculas, mas causam muitos prejuízos para os produtores. Sãos as moscas dos chifres e moscas dos estábulos, pragas danosas ao gado de leite e de corte.
A infestação dessas pragas vem aumentando no campo e os resultados são catastróficos. Esses pequenos insetos causam prejuízos que podem chegar a três bilhões de dólares anuais para os brasileiros, segundo a Embrapa.
A irritação causada pelas picadas das moscas faz com que os animais diminuam a ingestão de alimentos e aumentem o gasto calórico, em função da intensa movimentação da cabeça e do rabo. O animal fica estressado ao tentar espantar as moscas e perde peso.
O calor é um forte aliado desses insetos.  Somente a mosca dos chifres chega a picar o animal até 40 vezes durante o dia, segundo os especialistas. Ela fixa moradia sobre o hospedeiro e faz a festa.
Na maioria dos estados brasileiros, as altas infestações ocorrem no início e final do período chuvoso e é este o momento correto para se planejar o controle e tratamento da mosca-dos-chifres, de acordo com os estudos de dinâmica populacional, que definem as melhores épocas de controle em relação ao nível de infestação nos animais.
Um dos métodos para o tratamento e controle da mosca dos chifres, segundo os especialistas, é a utilização de brincos mosquicidas que protegem os animais por até 150 dias.