(45) 3277 2722 // 3252 5991
Avenida Egydio Geronymo Munaretto, 3601
Jd. Panorama - CEP 85910-320 - Toledo - PR

O leite integral é o mais consumido no mundo. A sua denominação refere-se à quantidade de gordura encontrada nele, pois não há processo químico para retirar a gordura natural do leite.

Em sua versão integral o leite é mais recomendado para crianças a partir dos dois anos. A gordura dele é importante para a formação do sistema nervoso da criança, para o crescimento e contém vitaminas A, B e K, afirmam os nutricionistas.

Nessa versão integral existem os leites A, B e C.

O leite tipo A possui menos teores de micro-organismos após passar pelo processo de pasteurização. Deve ser consumido de quatro a cinco dias após ser embalado.

O leite tipo B tem uma quantidade maior de micro-organismos. O consumo deve ser em no máximo três dias.

E o tipo C é o que apresenta maior teor de bactérias. Por isso ele deve ser consumido em menos tempo. Em até dois dias após embalar.

Os micro-organismos são naturais do leite e não apresentam problemas à saúde.

A desconfiança de que o leite integral engorda é comum. Mas estudos mostraram que o consumo de laticínios integrais está ligado a redução da gordura corporal. Em um dos estudos, publicado no “Scandinavian Journal of Primary Health Care”, homens de meia-idade que consumiam leite, manteiga e creme de leite com alto teor de gordura eram significativamente menos propensos a se tornarem obesos em um período de 12 anos, em comparação com os homens que nunca ou raramente consumiam laticínios ricos em gordura.

 

Mas há divergências. O importante é que o leite integral possui muitos nutrientes importantes para o desenvolvimento do ser humano e também pode ajudar a manter o peso.

 

Num copo de 200 ml de leite integral são consumidos: 

Calorias: 120 kcal 
Proteínas: 6 g 
Gordura total: 6,4 g 
Gordura saturada: 4,2 g 
Cálcio: 234 mg 

Os valores nutricionais do leite integral tipo A, B e C são semelhantes.